domingo, 11 de junho de 2006

Dia dos namorados

Ok, ok, é mais uma data comercial. Mas é muito gostoso ter um dia dos namorados pra comemorar. Para dar uma pausa na vida e falar pro seu amor tudo de lindo que você sempre quer dizer, mas, às vezes, não tem tempo. O melhor de tudo é ter alguém para amar num dia como esse...
Hoje me sinto 100% completa e feliz. E tudo começou num relacionamento que eu achei que não daria em nada.
Acho que nunca contei nossa história aqui. Quando o conheci, achei ele muito intrigante. Muito quieto, reservado e tímido, mas sempre ví um algo mais em seus olhos...
O namoro demorou bem um seis meses para vingar, e mesmo assim, eu achava que não ia dar em nada, porque eu era muito nova, porque ele era um solteirão convicto, porque talvez durasse pouco. Mesmo com todos os possíveis impedimentos, dei uma chance ao meu coração que me dizia que sim, que deveria tentar, mesmo estando tão cansado de sofrer e se decepcionar... E não errei em ouví-lo. Aos poucos, o relacionamento foi se tornando forte, foi derrubando diversas barreiras que surgiram no caminho. E a centelha virou chama, que vive dentro de nós até hoje. O solteirão me deu a chave da casa dele e resolveu casar. A menina que dizia que não casaria antes dos trinta, virou uma "mulherzinha" aos 26. Coisas do amor que dá certo.
Ele não é de declarações, mas me lembro de quando mandei um e-mail para ele dizendo que faltavam tantos dias para ele ser "amarrado", (véspera do nosso casamento) ele me respondeu o seguinte: "Estou amarrado desde o nosso primeiro beijo". Acho que foi a coisa mais romântica dita por um não romântico...
Às solteiras, possíveis leitoras desse blog: eu realmente acredito que uma mulher possa ser feliz sozinha. Somos capazes disso e muito mais. Mas, desejo de todo o coração, que vocês não se fechem para o amor. Dêem uma chance quando alguém tocar seu coração, mesmo que ele não saiba dançar, que não seja seu tipo de homem ideal, que seja corinthiano ou que não atenda qualquer outra exigência sua... Não estou dizendo aqui para sair com qualquer um, mas nós mulheres, somos cruéis de vez em quando... Nossa lista de exigências e pré requisitos tem 25 folhas! Deixe o coração falar mais alto, porque na maioria das vezes, o príncipe vira sapo e o homem comum, o seu amor de verdade. Aqui vai uma dica: no pior período de entresafra da minha vida, lí um livro chamado "Enquanto o amor não vem". Não sou mulher de auto ajuda, mas esse livro foi muito bom mesmo....Fiz uma faxina mental muito bacana...É um bom presente de você para você...
Para as que tem o seu amor, aproveitem....Larguem da internet e tasquem uns beijos neles...Eu até adiantei meu post, porque no dia dos namorados, quero esquecer do mundo, ficar no nosso ninho e ser feliz até quando Deus permitir...

Nenhum comentário: