sexta-feira, 30 de maio de 2008

O tempo só nos faz bem

Depois de uma sessão dupla de filmes caseiros antigos, só tenho uma certeza e várias perguntas...

A certeza:
Eu melhorei muuuuito em 15 anos: na aparência e como pessoa.

As perguntas:
- Por que eu não depilei as sobrancelhas aos 10 anos?
- Por que as mulheres usavam aqueles cabelos horrendos?
- Por que as mulheres seguem as ditas "modinhas", mesmo não gostando muito, pra depois se arrependerem pro resto da vida de ter aparecido em público com aqueles modelitchos?
- Por que voltaram com a calça de cintura alta em pleno século XXI, uma vez que ela já era medonha nos anos 90?
- Por que os adolescentes são bobos em qualquer década?
- Por que raios eu resolvi usar meia calça champagne?
- Pra que servia aquele buraco no meu vestido, uma vez que ele não era nem sexy, nem tampouco estratégico?
- Por que demoraram tanto pra inventar as escovas gradativas, progressivas e a popularizar a chapinha?

Depois dessa, aguardo ansiosa os meus 40...

Bjs e até!

quarta-feira, 28 de maio de 2008

Signos - Por Christian Pior

Se é dele eu não sei, mas é engraçado!

...Touro...
Meus quatro melhores amigos são taurinos.Então posso dizer que conheço a raça. E que raça! E são amigos de longa data.Como são as amizades taurinas.Sólidas. A primeira coisa que me vem a cabeça é o egoísmo. O Touro é muito egoísta. Só consegue ver as coisas sob o seu ponto de vista. E pronto!Ele está certo,sua opinião tem mais peso. E o pior é que não costumam mudar de idéia. O bom do touro é que ele sempre tem um 'dinheirinho'. Sempre. E se ele empresta ou te dá algum, colega, é porque ele gosta muito, mas muito de você. Porque se tem uma coisa que o touro defende é o seu dinheiro. Coincidentemente, todas as minhas viagem internacionais (menos Ibiza,lógico), foram bancadas por dinheiro taurino. Mas paguei tudo, viu? Até porque se que não pagasse, eles cobrariam. Touro ama prazeres: Sexo,comida e dinheiro. Um taurino sem sexo,fica amargo. Um taurino sem dinheiro fica mau humorado. E um taurino sem janta, quebra a casa toda. Mas é mais que isto. Seu dinheiro tem que significar contas pagas, e algum investido.Ele adora ligar nos banklines da vida, para ver o quanto tem, o quanto rendeu, o quanto sobrou.Ama cheirar notas novinhas. Não confia muito em débitos automáticos. Bom, nem eu. O sexo do taurino não pode ser qualquer sexo. Não gosta de 'rapidinhas'. Este papo de 'ali na escada de incêndio ' ou 'vamos ali atrás da moita' ele não gosta. Gosta do sexo lento, em uma cama boa,sem demora,e ama sexo oral.E cuidado com o beijo taurino.Apaixona,bein! E ama comida decente. Não me venha com sanduiches, Big Macs. Ele quer arroz,carne, feijão, mistura ,salada, sobremesa, talher, suco, aperitivo, bebidinha. Não me venha com misto quente e Tang uva. Touro também é ciumento demais. E odeia ser ciumento.E sua vontade de não ter ciume é engraçada, porque transparece. E odeia perder as coisas.O casamento pode estar ruim, ele vai demorar para abandonar,se abandonar. Então,bein, se você for amante dele,sempre será a amante. Mesmo ele te amando mais que a oficial. Mas o legal , é que ele costuma ter a oficial, a esposa. Não galinha por aí. Tem preguiça de caçar. Que bom,né? O complicado é que o planeta que o rege é Vênus. Então se o taurino nao for lindo,é no mínimo sexy. E se não for bonito, é rico, o que para muitas mulheres é o mesmo que bonito. A mulher taurina é muito,mas muito feminina. Mas é firme, e teimosa. Sempre trabalha muito, adora a boa vida e trabalha muito para isto, porque ama o conforto. Se tive ruma taurina morando em uma pensão com mais oito no quarto,a cama dela , no beliche vai ser a de lençol mais limpo, sua toalha será a menos encardida e seu sabonete o mais cheiroso. A taurina ama namorar, mas como pensa em relação sólida, escolhe bem e avalia se o moço tem futuro na repartição em que trabalha. Se a taurina namorar um desempregado é porque caiu nas mãos de um sagitariano safado e bom de cama, ou de um leonino xavequeiro que sabe falar baboseiras a luz do luar e da poluição ou de um pisciano com olhar distante e mãos espertas. Mas mesmo assim, ela sempre terá um trocado na manga. E na barra também. Se você conhecer um taurino negativo, cuidado. Ele vai te massacrar. E o pior, nem vai se comover. Lembra-se? Ele é um egoísta. Quer feri -lo? Fique mais rico ou rica que ele. Viu como é dificil atingi-los? Ah, grandes gigolôs e cafetinas são de touro. Rsrsrsrs, é sério! Só perdem para o povo de peixes. Ah, taurinos não acreditam muito em signos.São mais "pés no chão" E que pés eles tem...

Homens famosos de touro: David Beckham, George Clooney, Rodolfo Valentino, Enrique Iglesias, Shakespeare, Freud, Bono e nosso querido Faustão e principalmente o chamozão Rinaldo Silva
Mulheres famosas de touro: Penelope Cruz, Cher, Eva Peron, Uma Thurman, Barbara Streisand e nossa eterna Tieta Betty Faria.

quinta-feira, 15 de maio de 2008

30 coisas de mim...

1. Sou teimosa e teimo que não sou teimosa
2. Quando fico com raiva e não posso dizer o que penso, choro
3. Rôo unhas
4. Adoro fazer feira e supermercado
5. Não gosto de lavar louças
6. Sou ciumenta com as "minhas" coisas e "minhas" pessoas
7. Gosto de assistir desenhos animados
8. Adoro comprar qualquer coisa!
9. Tenho mania de cutucar a cabeça quanto estou nervosa
10. Não consigo dormir de meias
11. Tomo banho quente até no verão
12. Odeio que mexam no meu umbigo
13. Fico dias ouvindo a mesma música
14. Sou ansiosa ao extremo multiplicado por mil
15. Tenho sempre um livro na cabeceira
16. Gosto de andar descalça
17. Adoro cafuné e sou capaz de ficar com câimbra para que não parem o carinho
18. Fico horas olhando as mesmas fotos
19. Tenho pavor de tirar sangue
20. Tenho mania de ficar repassando uma conversa por dias, pensando o que eu podia ter dito (ou não)
21. Sou transparente, minha cara de paisagem não engana ninguém
22. Prefiro doces gelados
23. Penso que só o fato de me matricular na academia vai me deixar mais magra e feliz
24. O número 4 é o meu lanche favorito
25. Tenho duas úlceras e uma vontade louca de comer porcarias
26. Cozinho com carinho, apesar de não ser grande mestre cuca
27. Tenho paciência com quem eu gosto. Se não gosto, meu amigo....
28. Não vivo sem o meu Nescau
29. Faço chantagem emocional quando quero alguma coisa
30. Às vezes esqueço que cresci.

domingo, 11 de maio de 2008

Feliz dia das mães!

Homenagem do blog Cadê papai para todas as mamães guerreiras. Como meus bebês estão aí, não podia deixar de postar. O link do blog tá aí do lado.

Fazer 30 anos

(Affonso Romano de Sant'Anna)

Quatro pessoas, num mesmo dia, me dizem que vão fazer 30 anos. E me anunciam isto com uma certa gravidade. Nenhuma está dizendo: vou tomar um sorvete na esquina, ou: vou ali comprar um jornal. Na verdade estão proclamando: vou fazer 30 anos e, por favor, prestem atenção, quero cumplicidade, porque estou no limiar de alguma coisa grave.Antes dos 30 as coisas são diferentes. Claro que há algumas datas significativas, mas fazer 7, 14, 18 ou 21 é ir numa escalada montanha acima, enquanto fazer 30 anos é chegar no primeiro grande patamar de onde se pode mais agudamente descortinar.Fazer 40, 50 ou 60 é um outro ritual, uma outra crônica, e um dia eu chego lá. Mas fazer 30 anos é mais que um rito de passagem, é um rito de iniciação, um ato realmente inaugural. Talvez haja quem faça 30 anos aos 25, outros aos 45, e alguns, nunca. Sei que tem gente que não fará jamais 30 anos. Não há como obrigá-los. Não sabem o que perdem os que não querem celebrar os 30 anos. Fazer 30 anos é coisa fina, é começar a provar do néctar dos deuses e descobrir que sabor tem a eternidade. O paladar, o tato, o olfato, a visão e todos os sentidos estão começando a tirar prazeres indizíveis das coisas. Fazer 30 anos, bem poderia dizer Clarice Lispector, é cair em área sagrada.Até os 30, me dizia um amigo, a gente vai emitindo promissórias. A partir daí é hora de começar a pagar. Mas também se poderia dizer: até essa idade fez-se o aprendizado básico. Cumpriu-se o longo ciclo escolar, que parecia interminável, já se foi do primário ao doutorado. A profissão já deve ter sido escolhida. Já se teve a primeira mesa de trabalho, escritório ou negócio. Já se casou a primeira vez, já se teve o primeiro filho. A vida já se inaugurou em fraldas, fotos, festas, viagens, todo tipo de viagens, até das drogas já retornou quem tinha que retornar.Quando alguém faz 30 anos, não creiam que seja uma coisa fácil. Não é simplesmente, como num jogo de amarelinha, pular da casa dos 29 para a dos 30 saltitantemente. Fazer 30 anos é cair numa epifania. Fazer 30 anos é como ir à Europa pela primeira vez. Fazer 30 anos é como o mineiro vê pela primeira vez o mar.Um dia eu fiz 30 anos. Estava ali no estrangeiro, estranho em toda a estranheza do ser, à beira-mar, na Califórnia. Era um homem e seus trinta anos. Mais que isto: um homem e seus trinta amos. Um homem e seus trinta corpos, como os anéis de um tronco, cheio de eus e nós, arborizado, arborizando, ao sol e a sós.Na verdade, fazer 30 anos não é para qualquer um. Fazer 30 anos é, de repente, descobrir-se no tempo. Antes, vive-se no espaço. Viver no espaço é mais fácil e deslizante. É mais corporal e objetivo. Pode-se patinar e esquiar amplamente.Mas fazer 30 anos é como sair do espaço e penetrar no tempo. E penetrar no tempo é mister de grande responsabilidade. É descobrir outra dimensão além dos dedos da mão. É como se algo mais denso se tivesse criado sob a couraça da casca. Algo, no entanto, mais tênue que uma membrana. Algo como um centro, às vezes móvel, é verdade, mas um centro de dor colorido. Algo mais que uma nebulosa, algo assim pulsante que se entreabrisse em sementes.Aos 30 já se aprendeu os limites da ilha, já se sabe de onde sopram os tufões e, como o náufrago que se salva, é hora de se autocartografar. Já se sabe que um tempo em nós destila, que no tempo nos deslocamos, que no tempo a gente se dilui e se dilema. Fazer 30 anos é como uma pedra que já não precisa exibir preciosidade, porque já não cabe em preços. É como a ave que canta, não para se denunciar, senão para amanhecer.Fazer 30 anos é passar da reta à curva. Fazer 30 anos é passar da quantidade à qualidade. Fazer 30 anos é passar do espaço ao tempo. É quando se operam maravilhas como a um cego em Jericó.Fazer 30 anos é mais do que chegar ao primeiro grande patamar. É mais que poder olhar pra trás. Chegar aos 30 é hora de se abismar. Por isto é necessário ter asas, e sobre o abismo voar.

terça-feira, 6 de maio de 2008

Começando a séria 30...

...30 palavras...
1. Amor
2. Amizade
3. Saúde
4. Paciência
5. Carinho
6. Abraço
7. Cafuné
8. Beijo
9. Conselho
10. Sabedoria
11. Vida
12. Atitude
13. Paixão
14. Coração
15. Palavra
16. Música
17. Dança
18. Olhar
19. Infinito
20. Sol
21. Lilás
22. Céu
23. Livro
24. Conforto
25. Alívio
26. Massagem
27. Praia
28. Mar
29. Dignidade
30. Respeito