domingo, 20 de março de 2011

Fim de férias, notícias e chuva, muita chuva!

E acabaram-se as férias. Passou tão rápido! Parece que o carnaval foi há milhões de anos-luz. O trabalho, então...Nem lembro o que eu faço da vida...E foram só 15 dias de descanso... Imaginem como eu estaria se fossem 30!

Voltamos de Buzios um dia mais cedo! Santa Clara não ajudou e nublou demais na terça-feira, daí não conseguimos ir para Arraial do Cabo, como previsto....Mas foi gostoso mesmo assim, curtimos um pouquinho.

Comi e gastei demais nestas férias, tudo o que eu não podia. Engordei um quilo dos três que perdi... Comprei jeans, sapato, livros, vestido, echarpe, batom...Nem quero ver a fatura do cartão mês que vem. A partir de amanhã, fecho a boca e deixo o cartão no freezer (que nem a Becky Bloom)

Essa semana teve três dias de comemorações seguidas: pizza com a mamis na quinta, barzinho com a Cris na sexta e festa anos 80 da Ale, que faz niver junto com a Cris.

Posso dizer que choveu muito nestas férias. O tempo tá maluco. Chove muito hoje. O dia inteirinho. Outono começando. Não botei o nariz para fora de casa. Hibernando total. Cama, comida, filme, livro, net, cama, comida....e por aí vai. Uma preguiça misturada com a depressão de ter que ir trabalhar amanhã (sou grata pelo emprego mas vamos combinar que não dá pra sair saltitando pro escritório na volta das férias). Tem tanta coisa pendente me esperando por lá que me dá borboletas na barriga. Vai ser pauleira de novo. Espero que as boas notícias que eu aguardo também se cumpram. Vamos ver.


É isso. Agora estou na net. Logo volto pra TV. Torcer para a gorda Paula sair do BBB. É, pecado, mas eu assisto BBB. Shame on me.

P.S: Queria fazer Croque Monsieur, bolinho de chuva ou bolo de caneca, mas não tenho nem presunto nem ovos em casa (nota mental: nunca mais esquecer de comprar ovos. Eles servem pra tudo quanto é receita!)...E nem dá pra sair e buscar nada na rua, prefiro arrumar outra coisa pra mastigar. Ou pedir logo uma pizza, pois hoje é o último dia do não-regime. Eu como muito quando chove. Eu faço tudo o que não se deve...


Nenhum comentário: